• Postado: 24 September 2021
  • Categoria: Notícias

SINTEP-PB fiscaliza condições das escolas e estabelece parceria com MPE

Desde o início da pandemia, o SINTEP-PB vem cobrando do Governo do Estado a garantia de condições para o desenvolvimento do ensino remoto e reformas nas escolas para que tenham estruturas dignas, com segurança sanitária e adequadas às demandas do momento para o retorno às atividades presenciais.

Porém, a SEECT não fez uma programação efetiva e, durante todo o período de suspensão das atividades presenciais, poucas escolas passaram por reformas. O SINTEP-PB iniciou, no último dia 13, a elaboração de uma pesquisa junto aos profissionais da educação, que resultará num dossiê sobre as condições das escolas para o retorno às atividades presenciais, uma vez que o secretário de Educação anunciou o retorno das aulas sem diálogo com o sindicato e a comunidade escolar.

Reforçamos ainda que, desde 2018, quando da aprovação da Lei 11.100, que implementou o modelo de escola em tempo integral na Paraíba, o SINTEP-PB vem cobrando do Governo e do Ministério Público ações no sentido de garantir estruturas dignas para as escolas da rede. Neste sentido, o Ministério Público Estadual da Paraíba (MPE-PB) atendeu uma solicitação do SINTEP-PB e acompanhará a diretoria do sindicato nas fiscalizações que serão realizadas nas unidades escolares deste modelo.

Por tudo isso, reforçamos a importância de a categoria se organizar em cada escola para responder o questionário do sindicato. Com o questionário, buscamos averiguar nas escolas:

- Transparência nas informações e o funcionamento do Comitê Escolar de Crise;

- Existência de água encanada;

- Condições da rede elétrica;

- Correta ventilação das salas de aula (ao menos duas janelas, permitindo a circulação do ar);

- Banheiros em condições de uso;

- Quantidades adequadas de pias com água e sabão;

- Distribuição de equipamentos de proteção individual (EPIs), como máscaras ou protetores faciais;

- Existência de internet banda larga nas escolas;

- Existência de plano pedagógico e horários de aulas e merenda definido nos moldes propostos pela SEECT;

- Existência de problemas graves na estrutura do prédio escolar.

Se sua escola ainda não participou, acesse o link para preencher o formulário.

 

Nas fotos abaixo:

- 1 e 2: ECIT AGENOR CLEMENTE DOS SANTOS (2ª GRE) 

- 3 e 4: EEEF MARIA EMÍLIA OLIVEIRA DE ALMEIDA (3ª GRE)

- 5: EEEFM JOSÉ LINS DO REGO (12ª GRE)

Vejam as fotos: